20 anos a (re)construir afectos

20 anos a (re)construir afectos

A Ajuda de Berço comemorou 20 anos de existência… 20 anos de desafios, de partilha, de aprendizagens… 389 Crianças acolhidas, 355 crianças que viram concretizado o seu projecto de vida: 333 crianças que encontraram numa família o seu porto seguro (180 integradas ou reintegradas na família de origem e 149 em família seleccionada para adopção).

Existiram, ainda, 2 crianças a quem foi aplicada a medida de confiança a pessoa idónea e, outras 2 que foram confiadas aos cuidados de famílias sob a medida de Tutela. As restantes 22 crianças foram transferidas para outra instituição. A transferência das 22 crianças teve como motivos: zona geográfica mais próxima da família, outras por possuírem problemas clínicos graves, com ausência de resposta na família biológica ou inexistência de família seleccionada para adopção, necessitaram de uma resposta mais ajustada à sua saúde. Guardamos em nós as lembranças e um sentimento de uma tarefa inacabável que nos mantém no caminho e no foco mesmo quando novos desafios se apresentam como lições de resiliência que as crianças que acolhemos nos ensinam e dão.

20 anos que foram encerrados com o Encontro que se realizou na Fundação Calouste Gulbenkian, em 10 de Janeiro de 2019, denominado ‘’20 anos a (re)construir afetos’’. Encontro este este marcado pela presença de ilustres oradores e prelectores, que têm contribuído para um aperfeiçoamento diário do Sistema de Promoção e Protecção da Criança em Portugal.
Encerraram-se as comemorações dos 20 anos de existência da Ajuda de Berço com o sentimento de gratificação, de que num trabalho conjunto por parte de todos os colaboradores da Ajuda de Berço e parceiros externos, diariamente, se constroem e reconstroem afectos.

Um bem-haja!